Lições da vida


A vida é engraçada. As pessoas são engraçadas. Explicarei, caro leitor o motivo. Quando somos sinceros, fiéis aos nossos sentimentos, dizem que somos inseguros, humildes infantis. Se dissimulamos, fingimos não falando ou omitindo nossos sentimentos, aplaudem-nos. Reflitamos: isso não nos remete as aprendizagens que recebemos de nossos pais e professores em que a verdade está acima de tudo e todos e somente ela nos salva. Ficamos confusos, pois não sabemos a quem seguir. Percebemos para que sejamos aceitos no “grupo” teremos que escamotear o que sentimos, sendo ou tornando-se artificialmente em nossas ações não deixando jamais transparecer o ser humano real, original, único, cheio de dúvidas, inseguranças e medos.

Pergunto: Devemos ser o super-homem ou a mulher maravilha sempre felizes, sorrindo e abanando a cabeça para a sociedade na qual vivemos ou devemos lutar por nossos sentimentos?

Caro leitor, se souberes a resposta deste difícil enigma, por favor, diga-me para que juntos possamos aprender ou a reaprender a viver.

Itacy Huergo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s